Poesia o que é e Quais os Tipos?

por | abr 19, 2022 | Literatura, Literatura Infantil

Declamar poesia é uma arte agraciada por muitas pessoas. Afinal, o texto traz diversos sentimentos, assim como tenta sensibilizar quem a está ouvindo. O Brasil mesmo possui diversos poetas reconhecidos. Entre eles estão Carlos Drummond de Andrade, assim como Vinícius de Moraes e Cora Coralina, por exemplo.

Há quem se pergunte também o que é poesia, assim como quais são seus tipos na literatura. Se esse é o seu caso, não se preocupe. Decidimos responder aqui todas essas dúvidas e de quebra deixar algumas  trechos bastante conhecidos para inspiração. Acompanhe.

Afinal, o que é Poesia?

Poesia é considerado um texto literário composto por diversos versos. Ele tem como características a combinação de palavras, assim como a possibilidade de fazer rimas ou não. Considerada uma das artes mais antigas do mundo, o texto poético tem seus registros em hieroglifos egípcios há muitos séculos antes de Cristo. 

Antigamente as poesias eram utilizadas como manifesto. Ou seja, muitos escritores  e artistas a utilizavam para mostrar seus sentimentos. Seja de felicidade, assim como protesto, dor ou tristeza. Tudo era transmitido através dos versos simples da poesia. Atualmente o texto traz mais metáforas como figuras de linguagem também. 

Como a poesia é formada?

Outro ponto característico da poesia é o formato em que o texto é montado. Isso porque diferente do texto normal, a mesma é dividida em versos. Os quais também são agrupados em estrofes. Justamente para dar o tom de “canção”,  visto que muitos dizem que ela nasceu para ser cantada.

Ela pode ser formada por: 

  • Poema de dois versos chamado Dístico;
  • Poema de 10 versos  chamado Décimo;
  • Poema de 14 versos chamado Soneto;
  • Poema com mais de 15 versos, a qual é chamada Ode.

Quais os tipos de poesia? 

Por falar em como ela é formada, não podemos deixar de comentar que poesia também tem tipos.  De acordo com a literatura, a mesma pode ser dividida em três deles. Poesia Lírica, Épica e Dramática. Abaixo explicamos um pouco mais sobre cada um deles.

Poesia

Poesia

Poesia Lírica 

É aquele tipo de poesia que tem como foco expressar sentimentos. O texto em si narra uma visão social do mundo. Assim com tem o estilo mais rigoroso de todos. O mesmo traz em seu aspecto versos, ritmo, estrofes e rimas muito bem trabalhadas. A mesma também leva esse nome em sinônimo de masculinidade, onde antigos poetas carregavam consigo um instrumento musical chamado lira. 

Na poesia lírica o poeta fala diretamente com o leitor. Além disso traz sentimentos, estado de espírito e percepções. Um exemplo de poesia lírica é de Luís de Camões. Abaixo segue uma das delas. 

Amor é fogo que arde sem se ver

Luís de Camões

 

Amor é fogo que arde sem se ver,

é ferida que dói, e não se sente;

é um contentamento descontente,

é dor que desatina sem doer.

 

É um não querer mais que bem querer;

é um andar solitário entre a gente;

é nunca contentar-se de contente;

é um cuidar que ganha em se perder.

 

É querer estar preso por vontade;

é servir a quem vence, o vencedor;

é ter com quem nos mata, lealdade.

 

Mas como causar pode seu favor

nos corações humanos amizade,

se tão contrário a si é o mesmo Amor

 

Poesia Épica 

Outro tipo de poesia é a chamada Épica. Neste caso ela se trata de um texto mais objetivo. Isso porque traz em seu conteúdo histórias consideradas importantes pelo autor. Geralmente também é um texto mais longo e narrativo. Assim como celebra uma ação mais grandiosa, heroica, mitológica ou lendária também. 

Dentre os exemplos de poesia Épica podemos citar obras famosas como:

  • Ilíada – Criada por Homero;
  • Odisseia – Criada por Homero;
  • Eneida – Criada por Virgílio;
  • Os Lusíadas – Criada por Luís de Camões;
  • Caramuru – De Santa Rita Durão.

 

Poesia Dramática

Outro exemplo de poesia é o gênero dramático. Assim como o modelo Lírico, o modelo dramático também traz sentimentos. Normalmente o ator coloca sobre o texto sentimentos intensos que está vivendo, ou então viveu no passado. Acredita-se que poesias como elas se originaram de tragédias gregas antigas. 

Dentre os exemplos clássicos de poema dramática estão: Versos Íntimos, de Augusto dos Anjos.

Versos Íntimos

Augusto dos Anjos

 

Vês! Ninguém assistiu ao formidável

Enterro de sua última quimera.

 

Somente a Ingratidão – esta pantera –

Foi tua companheira inseparável!

Acostuma-te à lama que te espera!

O homem, que, nesta terra miserável,

Mora, entre feras, sente inevitável

Necessidade de também ser fera.

 

Toma um fósforo. Acende teu cigarro!

O beijo, amigo, é a véspera do escarro,

A mão que afaga é a mesma que apedreja.

 

Se alguém causa inda pena a tua chaga,

Apedreja essa mão vil que te afaga,

Escarra nessa boca que te beija!

 

Gostou de conhecer um pouco mais sobre poesia e seus tipos?

Que tal ler para as crianças? Conheça 10 poemas para ler com elas.

Leia também:

Posts relacionados

Cinderela Livro infantil

Cinderela Livro infantil

Cinderela é um clássico da literatura infantil que conta a história de uma jovem garota sonhadora chamada Cinderela,...